Case: Manos Assistência e Acessórios

Se você possui uma micro ou pequena empresa e ainda duvida que o marketing pode fazer muito por ela, este texto é para você!

As empresas estão vivendo um momento de transformação no mercado e que vem exigindo novas estratégias para conquistar seus clientes. Outro dia, ouvi um comentário de um empresário e que reflete isso: “Nossa produção e escritório nunca teve tanta tecnologia, mas nunca foi tão difícil de ganhar dinheiro”. A concorrência é tanta e o cliente está tão bem informado, que as empresas estão precisando rever a forma de continuar crescendo.

A Manos é uma micro empresa que faz assistência de celulares e vende acessórios. Há quase 15 anos, entrou neste mercado e liderava, pois quase não existia concorrentes para eles. No entanto, os concorrentes foram surgindo e a empresa acabou perdendo mercado. O bom nessa história toda é que a Manos retomou suas ações e nosso primeiro desafio foi atualizar a identidade visual, que já se encontrava defasada.

O trabalho na Manos, mais do que mudar o design da marca, compreende o treinamento das profissionais que atendem no balcão, para que a experiência de compra do cliente seja a melhor possível. Sabemos que o atendimento, de acordo com as pesquisas, está em primeiro lugar, ganhando da qualidade e do preço. Portanto, se você tem uma empresa, atenção para o atendimento dela!

É importante ressaltar que o marketing possui um papel determinante para as empresas, e ele ainda não é compreendido na sua total dimensão. Marketing ainda é visto apenas como propaganda pela maior parte das empresas, mas ele pode fazer muito mais do que isso por elas!

Outro ponto que considero fundamental, é o poder de agilidade na tomada de decisões por parte dos empresários. Se as mudanças de mercado estão acontecendo em um ritmo jamais visto, é preciso acompanhar e agir na mesma velocidade. Nestes tempos, agir torna-se mais importante do que planejar demais.

“O que falta nas empresas é execução, mas principalmente, fazer o que precisa ser feito. Nós precisamos começar a executar”. (Vicente Falconi)

A mudança assusta, porque ela gera desconforto, realmente não é fácil mudar. Por outro lado, mudar é a melhor forma de evoluir. O que a empresa precisa é dar um primeiro passo e como Falconi fala na frase acima, fazer o que precisa ser feito. Porém, cada empresa terá suas prioridades e poder de investimento próprios, é preciso também respeitar isso e fazer as coisas com os pés no chão.

Leia também: Atendimento como diferencial

contato@heloisajeremias.com.br

Compartilhe